Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

TODO TORTO

No mundo poucos não são os lugares estranhos, pra não dizer pitorescos

TODO TORTO

O nome do bar é Todo Torto porque ele é todo torto mesmo. Não é preciso nenhuma atitude radical pra perceber que o bar é torto. Também não há razão pra se preocupar com nossa percepção que não passa por nenhum delírio ao olhar para o Todo Torto, bar que impõe sobre nossa lucidez sensação tão particular.

Pra ser muito sincero nunca entrei no Bar Todo Torto porque não tive prazer de encontrá-lo aberto. Mas dizem que chega a ser esquisito entrar pela primeira vez no bar. Após uma ou outra cervejinha, pra relaxar, o Bar Todo Torto vai aos poucos, digamos, ficando normal. Aliás, pelas praias de São João da Barra deparamos sempre com muitas coisinhas e detalhes estranhos à primeira vista, mas que depois passamos a entender sem maior espanto.

Belo Horizonte, 24 novembro 2010

PRAÇA DO VALDO

Passo por avenida plana longa comprida, cidade que surge no buraco. Depois de percorrer por ela, a presença de uma praça dividindo avenida em duas vias. Na cabeceira da praça, uma barraca quiosque bar boteco sei lá. Seu proprietário é aquele senhor cujo nome não é Evaldo nem Walter e sim Valdo. Foi ele que um dia chegou naquele lugar que não era nada. Havia só uma barraca de plástico preto que abrigava comércio de um sujeito que resolveu vender tudo para o nosso herói. Valdo comprou e começou a trabalhar no terreno. Capinou, sonhou, trocou plástico preto que era mesmo horrível e começou a plantar as árvores que hoje compõem a praça.

Depois de alguns longos anos de dedicação, o pioneiro Valdo apresenta-se hoje com seu modesto aconchegante e indefinível empreendimento, tendo como singular atração, nada mais nada menos que um rústico fogão de lenha, construído por ele, de tijolos aparentes e pintados de amarelo, em plena praça. E foi exatamente desse fogão que ele preparou serviu com cativante euforia um feijão tropeiro mais que oportuno, em noite com jeito de miragem.

Belo Horizonte, 15 janeiro 2005

13 comentários:

Afrodite disse...

Que gostosura deve ser encontrar um cantinho assim,hein?
Um beijo pra ti,doce amigo!

introspectiva.info disse...

Esse Bar Todo Torto deve ser muito legal mesmo. Essa observação é muito bacana, porque muitas vezes, se pararmos para dar um pouco mais de atenção a algumas coisas que à primeira vista achamos estranho, há grandes chances de nos surpreendermos.

E parabéns para o Valdo! Deve ser muito gratificante olhar essa praça hoje e saber que ele contribuiu para essa maravilha. Não tem preço.

Grande beijo!

Divã das Baforetes disse...

Oi amado!!!

Queria ir ao todo torto, eu rapidamente o veria em angulos bem retos rsrsrsrs... quase uma Heleninha Roitman rsrsrsrsrs...


Bjss da Lud

Afrodite disse...

Cadinho,
Passa lá no Confissões e pega o seu selo de natal!
Presentinho pra quem eu linkei!
Não precisa repassar!
É só pegar e colar,tá?
Um beijão!

Ana Maria disse...

Aqui também tem bares todo torto. São cantinhos aconchegantes, uma delícia para se amar.
Beijinhos amigo!

Eduarda disse...

Cadinho,

è sempre um prazer vir até aqui e imaginar deste lado do oceano, momentos que descreves.

bj

Sandra Botelho disse...

Bar todo torto...Amei o nome.
Saudades daqui.saudades de te ler.
Bjos achocolatados

Nilson Barcelli disse...

É uma boa ideia haver um bar todo torto... assim, quando os clientes estiverem tortos do álcool, fica tudo direito...
Abraço.

Mariana disse...

Quem disse q para ser bom precisa ser perfeito,
as vezes as coisas boas estão em algo torto, q exige ver as qualidades com o coração.

Amy disse...

Obrigada pela linda lembrança.. ai este bar torto deve ser 10 rsrsrs bjnho

Adriana disse...

OIE.... recebi tua visita no meu blog e fiquei curiosa pra saber quem era CADINHO!!! Beleza pura, já estou até te seguindo!!!
Bar todo torto??? Diferente, não é?? Geralmente, sair do bar é que o deixa torto... brincadeira!
Podes me seguir, se tiveres gostado do meu blog.

AQUELE ABRAÇO!!!

DRI

teca disse...

Obrigada pela passada lá no Sedimentos. Vim logo conhecer o seu espaço. Bem legal. Tem arte com letras, com tintas, tem astral.

Gostei e virei mais vezes.

Felicidades.

Beijo.

Daniel Savio disse...

Vai ficar familiar porque se vai criando laços nele...

E um sonho só cresce se batalharmos por ele.

Fique com Deus, menino Cadinho.
Um abraço.