Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

PRA VENDER

Tenho sim necessidade de vender o que crio produzo.

Vendas para todo Brasil. Mais informações: cadinhoroco@yahoo.com.br

PRA VENDER

Dia desses, em conversa com pessoa muito querida veio assunto dos painéis e bonés personalizados que tenho pintado. Para minha surpresa e direi dissabor, ouço desta pessoa a conclusão de que o que faço é um hobby, coisa sem importância ou valor comercial.

De imediato contestei dizendo ser o que faço o que sei fazer na vida e como tal, produto para o meu sustento, minha sobrevivência.

Sou homem sem renda, não tenho o menor problema em afirmar isso. Já trabalhei e trabalhei muito, fui explorado até onde suportei, não ganhei o que fiz por merecer e depois de conferido por bom tempo e farta experiência por tudo que fiz, resolvi não admitir, como não admito mais, não ter o meu trabalho o devido reconhecimento e, sobretudo, respeito. Por isso passei a me dedicar às artes plásticas, que é o que faço hoje, além de escrever, com muito carinho, empenho e dedicação.

Os painéis, óleo sobre tela, e bonés personalizados que pinto, são pra vender e estão ao dispor de quem quiser adquiri-los.

Belo Horizonte, 06 dezembro 2010

SAIU MAIS CEDO

Quando cumprimentou-me eu a reconheci, mas continuei fazendo o que estava fazendo. Mais tarde, sua imagem veio à minha lembrança. Era ela mesma?

Seu nome estava definitivamente escapado da minha lembrança. Mas era ela, eu sabia que era ela. Procurei-a sem ter mais oportunidade de estar com ela. Só hoje é que deparamos um frente ao outro novamente. Era ela mesma. Saiu mais cedo de onde estava. Por isso foi que não tive oportunidade de estar com ela mais tarde. Mas, foi bom termos estado juntos hoje, numa reunião de trabalho que serviu para que de nossa conversa brotasse possibilidade de novo encontro, qualquer dia desses.

Belo Horizonte, 31 março 2005


9 comentários:

Marilu disse...

Querido amigo, tenha uma linda semana. Beijocas

M. disse...

Sina de artista? Não tem que ser. Perseverar.

Afrodite disse...

A ignorância é algo a ser combatido!
E não vejo seu trabalho como algo menor,mas como expressão de sua criatividade que tem seu devido valor!
Meu marido tb pinta suas telas,faz seus desenhos e se frustra diante do pouco caso de algumas pessoas!
Nosso país deveria ensinar desde pequenos na escola o valor da arte!
É disso que o Brasil precisa!
Beijo!

Maria José disse...

Amigo. Não se preocupe com o que os outros falam. Isso é problema deles. O mais importante é você fazer o que gosta e ser feliz. Grande abraço, parabéns por sua arte e obrigada pela visita.

JuJu disse...

Que é um tanto mais complicado viver de arte, isto é. Mas fazer um trabalho nesse sentido não precisa ser sempre um hobby. Até porque, Cadinho, também tem muita gente neste país que também resolve viver de sua arte, pode apostar nisso.
Além do mais, sua arte é muito bonita e com certeza atrai uma boa quantidade de compradores, não? Acho que o sujeito que falou aquilo deveria voltar para comprar uma de suas obras... Ver se ele aprende a valorizar seu trabalho.
...
Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!

Aмbзr Ѽ disse...

nossa, que lamentável isto que você infelizmente ouviu... é... reconhecimento não e para todos... principalmente quando ha falta de talento na historia. quem nao possui talento deveria aplaudir os que possuem. adorei como sempre ficar por aqui e ler suas palavras.

Aline Kamaroff. disse...

Parabéns pelo belo trabalho!!
Obrigada pela visita e coments.
inté!

Pérola disse...

Muito bem!!!
Sua decisão foi louvável,parabéns.
Desculpe pela minha falta mas eu ando numa correria danada.
Venho acompanhando as atualizações por imail que é por onde meus comentários chegam para serem aprovados.
Férias chegando terei tempo de me reorganizar melhor.
Abraços carinhosos.

Eduarda disse...

O mais importante é o que pensamos e fazemos com amor..o resto que se dane.

bj