Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

MARCELINHA

São muitas as aparições em nossa vida

MARCELINHA

Ela apareceu do nada, da noite. Miava sua angustia e fome escondida em meio às plantas. Quando descoberta não deixou de mostrar seus olhos verdes, enormes. Uma gata preta, pretinha mesmo. Uma gata gatinha, pouco tempo de vida. Toda assustada, arredia, mas ao mesmo tempo carente. Uma gatinha abandonada que veio aos poucos tomar o leite a ela ofertado. Ela agora já parte para a ração mais confiante e percebe reconhece carinho que recebe.

Depois de muito observá-la, dou-lhe nome de Marcela por estar entre mar, céu e lar que dá a ela amparo.

Grussaí, 10 fevereiro 2011

NATUREZA DO AMOR

Sentir a presença energia transpiração do amor não é nem um pouco difícil. Para tanto basta estar disponível acessível permitido à recepção emanação do amor capaz mesmo de assumir nossos sentidos. Falamos muito ouvimos muito. Observamos muito permitimos muito.

A liberdade tem sim o poder de possuir todos os nossos sentidos. Água torna-se mais pura, cafezinho mais saboroso, prosa a flutuar por aparição de anjo benção de visão sem qualquer melindre.

A liberdade é natural do amor tão natural quanto estar em pleno estado de graça.

Dá pra decifrar isso?

Belo Horizonte, 22 maio 2006

8 comentários:

princess kitty disse...

Olá! Vim retibuir a sua visita e "miaupaixonei" pela Marcelinha, um nome lindo e poético, cheio de significados.
E quanto a decifrar a natureza do amor, não é isso que vivemos tentando fazer? A liberdade é inerente a esse sentimento, embora muitas vezes não consigamos reconhecer isso.
Fiquei encantada com seu blog, vou voltar mais vezes =^.^= Miaubeijos e obrigada por suas palavras no meu cantinho :D!

Ingrid disse...

cadinho,
encantada com a gatinha...
e o que é a liberdade?.. cada um tem seus conceitos.. e pré-conceitos..
beijos

Tucha disse...

As gatas seduzem pelo olhar e o doce miado. Todo carinho para ela

Elaine Castro. disse...

Você sempre traduzindo seus sentimentos através de cada palavra.
Há adoro a mistura de cores em suas telas, eu já me atrevi a pintar em uma determinada época da minha vida e o estilo era parecido.

Abraços.

Sandra Botelho disse...

Amar é ganhar asas...
Bjos achocolatados

Thaís Livramento disse...

Decifrar isto? Felicidade plena!!!
Amar a vida e fazer pela vida, como fez com a Marcela!
Eu amo gatos! Linda sua nininha!!!
Bjbj,
TL.

Rike disse...

Olá, Cadinho!
Passando pra conhecer e agradecer sua atenção conosco!
Abçs!
Rike.

JuJu disse...

Ah, se eu visse uma bichaninha dessas por aí (eu vi a foto ao lado, pensa que não vi) e ainda miando do jeito que um bom filhote mia, seria difícil resistir. Essa Marcelinha decerto vai ser uma bela gata quanto estiver mais crescida!
Ah, quanto as dicas, recomendo que leia o que o site http://casa.hsw.uol.com.br/como-cuidar-de-gatos.htm tem a dizer. Se possível, também vá atrás de outros sites e procure por livros sobre como cuidar de gatos. Porém, acho que você já começou a sua relação com a bichaninha com o pé direito, hehe!
...
Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!