Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

domingo, 6 de fevereiro de 2011

SEM JORNAIS

É só avançar no raciocínio para que a conclusão apareça

SEM JORNAIS

Um dia escrevi que em São João da Barra - SJDB não existia nenhum jornal, depois descobri que existem dois jornais e agora recebo a informação de que um dos dois deverá desaparecer e que o outro está, ao que parece, fora de circulação. Em resumo constato não haver jornais em SJDB com periodicidade estável e isso se deve a uma razão simples e objetiva. Para publicar e distribuir os jornais é preciso dinheiro, patrocínio que em SJDB não existe, a não ser que venha da prefeitura. Se a prefeitura não patrocinar e se o jornal não tiver dinheiro pra bancar sua proposta, nada feito.

Diante da situação porque passa hoje a prefeitura de SJDB, com relação ao orçamento para 2011, o dinheiro para a comunicação sumiu e por isso os jornais também deverão sumir, o que não chega a ser tão ruim assim, porque ao menos a prefeitura não fica com o poder de manipular a informação.

Grussaí, 06 fevereiro 2011

APODRECIMENTO

Para quem só pensa no dinheiro, que valor terá o mundo? Para quem vive pelo dinheiro, que valor terá a vida? Para quem crê que o que vale mesmo é o dinheiro, a proposta fria e simples de uma materialidade que a cada instante torna-se cada vez mais podre. E não adianta querer inversão deste processo que não está exposto à venda e que portanto não tem como ser comprado adquirido.

A constatação é simples elementar. O dinheiro que é de um hoje, é de outro amanhã, por não ser de fato, de ninguém. Ele transita pelos mais sombrios caminhos, ele estampa as mais vergonhosas evidências.

A grande dignidade do dinheiro, está mesmo é no seu altíssimo teor de promiscuidade.

Belo Horizonte, 02 maio 2006

3 comentários:

M. disse...

Sem jornais não há informação...e sim...abre as portas à manipulação...

De certeza que haverá dinheiro para outras coisas...

Aventuras de Ferrinho disse...

Não é de todo má a realidade de estar a cidade sem jornais! Alguns só servem para limpar... é muiiiita manipulação!
Passo para te convidar a conhecer minha ilustração lá no blog da Construtora de Palavras. Adorarei te ver por lá! Lembro de um comentário teu em um texto sobre meu crescimento (e sexualidade). Gostarei muito de te ver por lá!
Bjinho :)

Luma Rosa disse...

Para quem pensa somente em dinheiro e faz dele meta de vida, também concordo que seja promíscuo, mas por outro lado, o dinheiro gratifica e traz dignidade! Veja o exemplo destes jornais que necessitam de patrocínio da prefeitura... se algum desses editores tivessem o "bendito" não precisariam se sujeitar.

Boa semana! Beijus,