Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

terça-feira, 14 de agosto de 2012

CAMINHO DO AMOR


A dúvida além de não adiantar, atrasa o propósito da fé
CAMINHO DO AMOR
     Quando então desvio meu pensamento para a dúvida vem João da Barra e pergunta por que duvido. Na realidade da fé eis que colho frutos mais que concretos. São sinais, manifestações, palavras que dão conta do que busco e do que então a mim revela caminho mais que alentador.
     Não há na fé nenhuma razão que justifique ou qualifique a dúvida. Razão para que, pela fé, o amor exubere sua força e quebre toda dificuldade, toda distância e toda sensação de fraqueza nossa.
     É pelo amor que entendo haver o caminho para que escapemos do adverso.
Belo Horizonte, 14 agosto 2012
DIANTE DO RIO
     Do  morro avisto lá embaixo o rio que vai em sua busca constante. Tal como o rio vou em minha busca constante, querendo em meio a curvas e declives chegar ao mar.
     Diante do mar sou outro, sou eu, sou quem sou. Longe do mar sou esse ser anônimo que observa de longe o rio que vai embora pro mar.
     Quando estarei de novo diante do mar?
Belo Horizonte, 26 fevereiro 2012

2 comentários:

Carla Ceres disse...

A dúvida é paralisante. Melhor ter fé. :) Abraço!

MINHA VIDA DE CAMPO disse...

Olá, que dádiva escrever e pintar, admiro pessoas que tem esse dom, principalmente da escrita, para mim é muito difícil escrever nada flui. Fique feliz com sua visita. Tenha um semana abençoada.
Abraços Anajá