Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

RELUZENTE


O amor sempre vale mais

RELUZENTE

     Não é difícil perceber a presença do amor nas pessoas. Basta observar por instantes o seu agir e silenciosamente sentir a emanação de sua presença para que então tenhamos ou não a constatação de que ali está o amor em franca vibração.
     O fato de haver quem não consiga transmitir a energia do amor, não quer dizer em definitivo que esse ser não tenha como ser atingido pelo amor, muito antes pelo contrário.
     Sem querer generalizar, observo haver em pessoas que se mostram muito rijas impressionante acesso a abrir permissão para reações mais que amorosas. Isso porque na essência do amor eis que ficamos por demais deprimidos dessa força que não é aquela percebida pela ação física, mas a que inclusive estimula e potencializa o corpo para ações que vão além do que nos é estampado pela realidade concreta.
     O amor é então a grande essência do ser humano, a grande fonte de todo agir humano incluindo todo seu sentir, todo seu estar e todo seu mundo. Na ausência do amor o ser humano fica literalmente ofuscado.

Belo Horizonte, 22 outubro 2012

BUSCANDO A BUSCA


      Quem pode adivinhar exatamente tudo que está por acontecer?

     Até acredito que possa haver quem tenha lá os seus acessos ao futuro. Mas a intimidade dele, é questão outra. Aí, ficamos de maneira ou de outra, expostos aos mistérios de cada amanhã. Sendo assim, melhor mesmo é acreditar em nossa capacidade de melhorar, ou de trazer o amanhã, para o que poderá dar às nossas ações respostas acessíveis ao que buscamos.

     Mas será importante nutrirmos nossas buscas voltadas exclusivamente às nossas ambições? Que saibamos pois conduzir os propósitos que alimentamos a quem estará, como nós mesmos, buscando o que buscamos.

Belo Horizonte, 10 maio 1998

3 comentários:

Moça disse...

Muito bom seu post!
E acho muito coerente que a gente se achegue daquelas pessoas que mais se aproximam dos nossos objetivos de vida!
ótimo!
opinandoemtudo.blogspot.com

Vanessa Barbosa. disse...

Tenho uma filosofia de vida baseada no amor, eu sempre vou apostar no amor como base trivial da vida. Não fecho meus olhos aos males que a falta dele pode causar nas pessoas e o que as mesmas são capazes de fazer sem ele, mas prefiro acreditar que todos possuem um punhado de amor na alma.

Uma bela semana amigo.

Carla Ceres disse...

Obrigada por responder minha pergunta sobre o santo na imagem do dia, Cadinho! Boa semana!