Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

terça-feira, 17 de setembro de 2013

FORÇA MAIOR

Conjuntos de Painéis Cadinho RoCo, óleo sobre tela, ótimo presente pra quem gosta de arte.
FORÇA MAIOR
     Evidente que enquanto católico trago comigo a certeza de que não houve e nem há sobre a Terra homem mais expressivo que Jesus Cristo.
     Evidente que enquanto ministro da eucaristia trabalho diariamente em favor do fortalecimento da minha fé.
     Evidente que não é por ser homem de fé que estou isento de momentos inteiros de fraqueza, equívoco, tentação e tudo que surge a exigir de mim força e determinação em não me entregar aos desafios impostos pela vida.
     Evidente que tenho em Cristo minha maior esperança e referência das buscas que alimento e das ameaças vindas de todos os lados e em momentos dos mais inusitados.
     É pela força deste Deus feito homem, Jesus Cristo, que então sou o que sou, é que então faço o que faço.
Belo Horizonte 17 setembro 2013
VENTILAÇÃO
     A árvore caiu. Por tratar-se de uma árvore artificial, não estava ela plantada. Fixada em uma das margens daquela estreita varanda, a árvore perdeu estabilidade com a vinda repentina de um vento forte. Vento que passou rápido derrubando a árvore. No chão liso da varanda, a imagem daquela árvore derrubada. Uma árvore artificial e pequena, a sugerir talvez um pinheiro. Um  pinheiro leve, que sem dificuldade tornou-se novamente erguido. No chão da varanda, pequenos adornos quebrados pela queda da árvore que mantinha-os expostos em seus galhos.
     Na varanda, momento de espera. No vento, ameaça que passou. Depois, o convite para entrar naquela sala. Lá estava ela, sem qualquer artifício. Tornei-me ventilado por sua presença.

Belo Horizonte, 16  dezembro 2001

3 comentários:

Ritinha disse...

Bom dia amigo, estava um tanto dispersa esses dias, com a vida dando uma mexidinha boa.
E fico imensamente feliz que tenha como base inspiradora de sua fé, JESUS CRISTO, como salvador.
Gostei de saber!
beijos
Ritinha

Carla Ceres disse...

Gostei da história do pinheirinho de Natal, Cadinho. Abraço!

ॐ Shirley ॐ disse...

É gostoso ler o que você escreve, Cadinho. Beijos!