Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

terça-feira, 31 de dezembro de 2013

SER AMOR

SÉRIE XAMÃ
dos Folhetos Cadinho RoCo
SER AMOR
      Xamã e eu conversamos sobre quem somos.
     É estranho o sentir do próprio eu desgarrado de seu pai e mãe.
     Mais estranho é perceber gente com sangue da gente se esquivando do que nos traz à mesma origem.
     Muito estranho estar em um mundo em que o dinheiro fala mais alto, mesmo sem falar
     Muito mais estranho é estar em um mundo em que eu e Xamã conseguimos nos comunicar por essa realidade extraordinária.
     A evolução dos interesses no mundo racional é por demais estranha sobretudo pra quem não consegue ser amor.
Belo Horizonte, 31dezembro 2013
MUDEZ DO PENSAMENTO
     Momento de cansaço existe sim. Se não dá pra perceber, simples é sentir. Fôlego dá sinal, corpo reage diferente, vida assume outra fala.
     Momento de cansaço existe sim. E não adianta resistência nem potência.
     Momento de cansaço existe sim. É simples e evidente. Deixe heroísmo de lado, que potência tem sentido outro. E não me venha com arrogância, que sono é sinal de cansaço. Do contrário, dormir seria só fechar olhos.
     Mesmo sendo Cavaleiro da Meia-Noite não há como esquivar-se do cansaço que existe sim e que na mudez do pensamento, mais cedo ou mais tarde acaba aparecendo.

Belo Horizonte, 12 janeiro 2002

5 comentários:

✿ chica disse...

Que 2014 seja lindo e que nele tudo de bom aconteça e que nunca esqueçamos de agradecer cada momento passado e vivido no ano que termina!

Feliz Ano Novo! beijos,chica

Alma Inquieta disse...

Que o ano 2014 venha repleto de motivos para sorrir!
Beijo :)

Marisa Giglio disse...

Muito contente em tê-lo na minha companhia . Já sou sua seguidora e admiro sua escrita . Desejo um 2014 com muita saúde , alegria e paz . Beijos

ONG ALERTA disse...

Que este ano novo seja de renovação e muita alegria, beijo Lisette

Laura Santos disse...

Ao menos para um cão não interessa o cheiro do dinheiro que faz cegar tantas pessoas.Todo o amor é desinteressado de bens materiais.
Nem me fale em cansaço! Esta passagem de ano deixou-me de rastos; deitar tarde já não é para mim...:-)
Feliz 2014, para si e para toda a família!
xx