Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

FALTA

SÉRIE XAMÃ
dos Folhetos Cadinho RoCo
FALTA
     Quando dinheiro acaba toda conta é cara. Não adianta ficar só na preocupação porque também quando dinheiro resolve sumir fica difícil fazer ele aparecer.
    Cão Xamã não está nem aí para o ter ou não ter dinheiro porque mundo dele é outro. Fico daqui e dali observando meu semblante perdido em busca de encontro que possa trazer o que resolveu não querer mais saber de mim. E quando falta dinheiro, o que sobra mesmo é desprezo e aquele jeito maroto de quem sai de fininho com conversa que vai do nada para o lugar nenhum.
     Xamã então diz que agora também quer conhecer o mar.
Belo Horizonte, 19 fevereiro 2014
NOSSA HORA
     A melhor hora para se fazer seja lá o que for, é aquela que traz a nós a vontade de se fazer seja lá o que for. Evidente existirem coisas a exigirem hora determinada. Mas a melhor hora para se marcar seja lá o que for, é aquela que traz a nós, a vontade dessa marcação. Tanto o expediente do adiamento quanto a precipitação, no mais das vezes não funciona por tornar-se artificial. Vontade não se impõe.
     Entre fazer a hora e ser feito pela hora, diferença singular. Quando então abrimos permissão para a hora que queremos construir, fechamos a possibilidade de sermos levados pela maré da aversão e de tudo aquilo que exala em nós antipatia. Darmos a nós mesmos o que buscamos, é darmos a nós mesmos o que queremos ser. Portanto, o melhor a fazer é fazer o melhor para que a nossa hora não fique perdida em nós mesmos.

Belo Horizonte, 26 julho 2003

5 comentários:

Carla Ceres disse...

Oi, Cadinho! Achei muito interessante sua história com as jaguatiricas. Se sobrou alguma foto, você poderia postar na Imagem do Dia. Abraço!

Cidália Ferreira disse...

Boa tarde Cadinho RoCo

Muito obrigado pelo seu carinho no meu blogue.


Gostei muito de ler o seu poste.
Tenha um dia feliz

Beijinho

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

nelma ladeira disse...

Olá Cadinho,adorei seu texto.Adorei a sua história com as jaguatiricas.
Parabéns.
Boa tarde.

Claudinha ੴ disse...

Olá Cadinho! Que bom tê-lo de volta ao TP depois de tantos anos! Fiquei lisonjeada!
Bem , concordo plenamente com fazer o que quero quando quero e sei ainda que nem sempre posso. Mas vale viver e sempre lutar por aquilo que acreditamos!
Um abraço!

Fê blue bird disse...

Concordo plenamente com o seu texto.
Devemos sempre seguir a nossa intuição e fazer tudo na hora acertada por nós.

beijinho