Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

sábado, 10 de maio de 2014

SEM VIOLÊNCIA

SÉRIE XAMÃ
FOLHETOS CADINHO ROCO
SEM VIOLÊNCIA
     Bem que eu tenho evitado assunto chato sabe Xamã, mas tem dia que ele fala mais alto e não dá pra evitar sua inclusão em minhas palavras. Aliás, a indolência não é privilégio de certos assuntos não. Fico abismado com sua resistência Xamã, em não querer se permitir à escovação. Chega a ser inacreditável sua reação que vou aos poucos educando porque, ao contrário do que pregam por aí, prefiro o expediente do carinho que o da agressão.
     Quem resolve partir para a baderna e para o conflito é quem quer ganhar tudo na base da força física e da opressão. Não comungo com esse modo de agir.
Belo Horizonte, 10 maio 2014
FICAR OU SEGUIR?
     Gente transitando pra cá e pra lá na busca de realizações projetos planos diversos. Gente viajando descobrindo desbravando lugares outros, possíveis possibilidades a irem exercitando esperança da gente.
     De você Taís, sonho que vasculha observa e pensa no que poderá ser ou não o seu fazer. O que é o fazer de cada um de nós? Sucessivas tentativas que vão sendo inseridas à realidade dos acontecimentos que passam a absorve-las naturalmente. Para cada um de nós valores distinguidos pelo que somos e fazemos. Coisas que valem muito para alguns e nada para outros. Coisas que aparecem desaparecem por ser vida mundo assim mesmo. O que distingue conformismo e inconformismo com mudanças aparições a sugerirem passagens e mais passagens.
     Hoje aqui, amanhã não sei onde. É assim mesmo. Conversas que vão dando rumo direção ao ser estar exposto ao mundo de coisas que reconhecem  no desconhecido, acessos outros.
    Ficar onde está ou seguir em frente?

Belo Horizonte, 17 abril 2004

4 comentários:

Flor de Maracujá disse...

Bom post :)
Beijinho*
www.flordemaracuja.pt

Simone Felic disse...

Ótima dica para o dia das mães, nada com violencia , mas com conversa e amor, xamã entende bem esta linguagem!
tenha um bom dia.
http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

Célia Rangel disse...

Gentileza gera gentileza... Educação gera educação... Carinho gera amor... E, os animais também sentem e muito quando temos carinho e atenção para com eles. Sua atitude está certa. Educar com amor dá melhores resultados, Cadinho. Parabéns!

MARILENE disse...

Nada justifica atos de violência. O melhor caminho para o bem estar interior é não resolver pendências com atos que geram doloroso arrependimento. Abraço.