Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

IDADES

SÉRIE XAMÃ
FOLHETOS CADINHO ROCO
IDADES
     Em meio àquela celebração de aniversário ela se divertia. Pai chegou pra mim acenando cabeça mostrando a filha e disse: - Ela completou 31 anos, tá velha né!
     Olho para o pai da dondoca e, sem pestanejar, corrijo sua exclamação: - Ela não está velha; velhos estamos nós.
      Xamã ri desse diálogo que confunde tempo e idades.
Belo Horizonte, 14 janeiro 2015
AÍ SABEREMOS
     Já que a vida sempre surpreende, nada mais sensato do que esperar. Não importa saber se será isto ou aquilo outro. Não importa saber se será hoje ou amanhã. Não importa também ficar questionando resmungando fazendo planos.
     Melhor esperar mesmo sabendo que quando menos estivermos esperando, eis que acontecerá o que tiver de acontecer. Aí saberemos se estamos contra ou a favor dos acontecimentos, ou do que queremos que aconteça.
Belo Horizonte, 25 julho 2006


5 comentários:

Nidja Andrade disse...

E temos que viver ao máximo esse presente,,,aproveitar pra construirmos todos os nossos sonhos e encontrar nosso amor,,,que seja bem rápido...

Juh Bernardo disse...

Oii,
Adorei o texto!
Muitas vezes não refletimos sobre o tempo e idade, mas pensamos muito no futuro e deixamos de aproveitar o presente...

Abraços
http://umminutoumlivro.blogspot.com.br/

Bell disse...

Questão de novo ou velho está nos olhos de quem vê.

Um lindo dia pra vcs =)

Carla Ceres disse...

Oi, Cadinho! Um pai desses queima o filme de qualquer filha. :) Abraço!

Janaína de Souza Roberto disse...

Que tenhamos paciência para esperar sem cair no conformismo. Tudo tem a sua hora!

Beijos,
Nina & Suas Letras