Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

segunda-feira, 10 de agosto de 2015

CHEGADA



CHEGADA
     Toda chegada traz a postura do desconhecido então alvo de muita observação, de muita especulação.
     Os Folhetos Cadinho RoCo representam trabalho que já percorre por seu ano dezoito dedicado à criação de textos curtos, reflexivos e com temas diversos.
     O encontro dos folhetos com a Elo-FM, rádio comunitária, é mais uma proposta de expansão desses folhetos.
     Os folhetos contam com distribuição física e virtual, via e.mail, e assinam o Blog http://cadinhoroco.blogspot.com , contando ainda com publicação diária no Facebook.
Belo Horizonte, 10 agosto 2015
A ÍNDIA
     Conheci uma índia septuagenária e com boa conversa. Mulher mãe avó de dezena de filhos netos cuja experiência transcende toda e qualquer referência urbana. Vive entre a mata e a rua, maneira como trata o Distrito de Cumuruxatiba. Gosta do convívio com as pessoas e de adentrar pela mata sem necessidade de usar sequer um facão. Mulher forte, olhar simples, mas sempre atento.
     Pela segunda vez em minha vida, fiz o que fiz. Pela primeira vez com uma índia idosa que trazia seus chinelos de borracha sem ter como serem usados, por causa daquela tira cortada. Pedi que experimentasse os meus. Serviram em seus pés de pele grossa, muito grossa. Disse então que fosse embora com eles. Ela perguntou como eu ficaria descalço. Mas quem tinha boa caminhada pela frente, era ela.
Cumuruxatiba, 30 abril 2008

5 comentários:

Maria Teresa Valente disse...

Que gesto lindo, sentir e suprir na hora, a necessidade de uma senhora índia.
Admiro quem sobrevive na natureza, sem necessidade de nada, apenas seguindo seu sábio instinto.
Parabéns Cadinho, que esta nova fase, seja muito produtiva.... SUCESSO!!!
Abraços carinhosos
Maria Teresa

Bianca Layouts disse...

Que linda história.
Sucesso!

Simone Felic disse...

É sempre bom ver a necessidade do outro e supri-la, linda esta história.
Abraço.

http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

Cristina Oliveira disse...

Muito lindo seu texto! Fiquei encantada!

Ana Freire disse...

Desejando que seus folhetos, cheguem sempre mais e mais além, em sua divulgação, Cadinho... e adorei o gesto para com a senhora índia...
Passando por aqui... e já falhando minha visita, por aqui, por estes dias, que têm passado corridos... deixando um abraço e me despedindo, apenas por um tempinho...
Tudo de bom, Cadinho! E até breve!
Ana