Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

CEDAQUI

EM OFERTA

Óleo sobre tela 15x15cm

Mais de 50% de desconto

Veja peças na coluna ao lado

Maiores informações: cadinhoroco@yahoo.com.br

CEDAQUI

Depois de informado fui à banca de revistas no centro da sede de São João da Barra, próximo à Câmara Municipal e adquiri o livro: Cedaqui, o Anarquista – Crônicas Novas e Antigas. Autor, Célio Aquino.

Não conhecia o autor, gostei do que li e como acontece com todo livro que se preza, eis que deparei com referências por demais interessantes com relação a São João da Barra. O autor, que já não é nenhuma criança, alerta e mostra elementos que dão conta da cultura de São João da Barra que deve e até precisa de ser valorizada e devidamente preservada.

João da Barra sentiu-se por demais confortado com posicionamentos assumidos pelo Célio Aquino que de alguma maneira até funcionam como pertinente lembrança para que todos nós, sanjoanenses ou não, respeitemos esse lugar que tem, além de muita história, população merecedora de toda atenção.

Cedaqui... é um livro que precisa de ser lido por quem se interessa por São João da Barra.

Belo Horizonte, 25 fevereiro 2010

RUIDOSA

Enquanto chove

Fumo meu cachimbo

Queimando idéia

Regando esperança.

Enquanto espero

Acendo motivos

Da fumaça exalada

Desse paladar aquecido.

Da lembrança

Esquecida em mim

Cinzas frias.

Busco o fogo

Luz silenciosa

Chuva ruidosa.

Belo Horizonte, 06 dezembro 1999

12 comentários:

Janaina disse...

Cadinho, Feliz Ano Nov.Pela sua indicação o livro é bem interessante ,a começar pelo título.
Um forte abraço, tudo de bom, beijos.

Sandra Botelho disse...

Enquanto pensa fuma seu cachimbo.
Enquanto olhos minhas montanhas eu penso.
Dias de luz,
Bjos meus

Bia Monteiro disse...

O q dizer?!
Belo!
Bjo
=)

Elaine Crespo disse...

Adoro poesia!
Vi seu comentário num blog amigo!

Adorei aqui e a poesia também!

Bela quinta!!

Beijos,
Elaine

Joéliton dos Santos disse...

Olá... Tudo bem??
Gostei da postagem!

Tenha um dia abençoado, cheio de paz, alegria e muito amor!!!
Grande abraço!

Renata disse...

Poxa, vou fazer um comentário que não tem nada a ver com o post ... mas essa sua foto rindo é a melhor!! rs. Bjs

. fina flor . disse...

impressionante como a chuva faz barulho dentro de nós, né?

beijos, querido

MM.

Anne Lieri disse...

Cadinho,uma beleza de poesia e grande indicação de leitura!Sempre bem informado,é muito bom te visitar!Vc está hoje no meu blog:estrelinhas voadoras.Abraços,

lis disse...

Oi Cadinho
Adorei o poema.
A chuva cai por aqui hoje e veio a clhar esse cachimbo, a idéia já esquecida em mim rsrs
abraços , boas inspirações

Chica disse...

Linda indicação e poema.Fiquei feliz hoje ao te ver no blog dos selinhos da ane lieri!abração,chica

εїз ViViAn ★ Sbrussi /(",)\ disse...

       ( ),,( )
       (=':'=)
  ﻶﻉჱﻶﻉ═¤═(,,)♥(,,)═¤═ﻶﻉჱﻶﻉ

Olá!
vim conhecer o seu blog!
ele foi indicado pelo blog da Anne!
seu blog é d+!

=D

Daniel Savio disse...

Mas você também falado um bocado de São João da Barra...

Mas por que tanto silêncio em ti para que o som da chuva ser tão ruidoso?

Fique com Deus, menino Cadinho.
Um abraço.