Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

DA BOCA PRA FORA

EM OFERTA

Óleo sobre tela 15x15cm

Mais de 50% de desconto

Veja peças na coluna ao lado

Maiores informações: cadinhoroco@yahoo.com.br

DA BOCA PRA FORA

Quando digo que vou ao amanhã com toda esperança, vem João da Barra e diz que melhor é se permitir ao todo transpirar do agora. Fato é que mais vale o agora do que o amanhã, posto haver no que vivo está, a certeza de um depois que está sempre na incerteza do que poderá vir a ser.

João da Barra desperta para o quanto é importante e pertinente não fazer do agora segredo regido por crenças e intenções sombrias. Não adianta dizer de amizade ou sentimento que seja, quando nesse discurso tudo não passa de fria racionalidade de propósitos fugidos ou afastados do que de fato liberta o sentimento. Por isso, mais vale sermos nada, para que assim fiquemos expostos ao todo sentir, do que sermos o amigo da amizade dita da boca pra fora, ou da intenção em citá-la para que assim, já de antemão, fique a relação devidamente identificada, dominada.

Belo Horizonte, 23 fevereiro 2010

O AMANTE

Palavras e pensamentos que flutuam pelo espaço que aproxima e que afasta, sem afastar. Mesmo longe, a situação que aproxima o sentimento de sua essência. Aí, a evidência da aproximação que cega a distância, arrancando-a da surdez e do sabor rude que desaparece quando surge o toque carinhoso de tão singular revelação. Por ser único, o nosso silêncio é o mesmo.

Ela existe trazendo a magia da fada superada pela mulher, capaz de transformar a realidade da realidade. Ela existe, com a mesma intensidade sentida pelo sangue incendiado por sua existência. Ela existe, com a mesma percepção a provocar o gesto quase aéreo da mais leve carícia.

Desse estado amante, a razão perdida e encontrada no mundo desse outro mundo cultivado pela sutileza de expressões tão concretas. E o amante, uma vez saído das entranhas, nasce respirando o oxigênio do amor encarnado e iluminado pela mesma luz que banha o nosso sol e a nossa lua.

Belo Horizonte, 20 novembro 1999

7 comentários:

Daniel Savio disse...

Bonito o texto sobre amante, mas não é só a mulher que deve ser inspiração para o amor...

Fique com Deus, menino Cadinho.
Um abraço.

Pedrasnuas disse...

EXACTAMENTE...A FONTE DE INSPIRAÇÃO PODE SER UM LIVRO...UM LUGAR...UM HOMEM...ENFIM...

ABRAÇO

marinaCavalcante disse...

Vamos viver o agora, né?

Para que o amanhã - outro presente -
seja repleto de boas lembranças.

"...Cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos."

(Charles Chaplin)



Ah, leia este meu poema que
fala sobre essas peculiaridades
do tempo...
" http://marinacavalcante.blogspot.com/2009/12/do-tempo.html "



Abraços!

Raquel Reckziegel disse...

Viver o hoje, relebrando o ontem e planejando o amanhã.

Belos textos, cadinho!

Abraço!

Samille disse...

olá, obrigada pela visita.
conversei com a dona do blog e ela disse que a promoção pode sim ser em portugues, deu confusao somente pq ela postou em ingles (copiando de outro blog) essa promocao...e as leitoras continuaram.

caso ainda tenha interesse passa lá no blog da Má:
http://bemlembrados.blogspot.com/2010/02/promocao-correcao.html

Sonhadora disse...

Meu amigo
Muito bonito este texto.

Beijinhos
Sonhadora

Bill Falcão disse...

O velho João sabe o que diz.
Aquele abraço!