Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

HOJE AMANHÃ

É sempre saudável pensarmos na conseqüência do que fazemos e deixamos de fazer

HOJE AMANHÃ

Depois de contar tudo que passou, João da Barra provoca Solange na intenção de saber o que ela pensa do hoje amanhã. E Solange, que desde 2007 trabalha numa escola particular em Grussaí, diz da necessidade de se dar mais atenção para a criança de São João da Barra. Acredita no esporte como atividade por demais pertinente para tirar a meninada do ócio e do que ela mostra ser exposição perigosa, posto que criança sem ter o que fazer torna-se, com facilidade, refém do mal.

No verão, em Grussaí, as ditas escolinhas de futebol na praia. Mas, para Solange, essa iniciativa tem de continuar durante o ano.

João da Barra com isso acorda para o fato de que se tais iniciativas ficam restritas ao verão, terminam por comprometer a autoestima dos meninos sanjoanenses, porque fica claro que iniciativas como essa não acontecem para eles, o que é péssimo, para não dizer cruel demais.

Grussaí, 02 fevereiro 2010

PRETEXTO

Falta tempo

Sobra tempo

Fala o tempo

Ouve o tempo.

O tempo que faz

O tempo que sobra

O tempo que falta

Entre bocas e ouvidos.

E ao tempo

O caminho

O desvio.

Tempo que busca

Do tempo o tempo

Que não é tempo.

Belo Horizonte, 28 junho 1999

4 comentários:

Daniela Filipini disse...

Consequencias dolorosas ou alegres são simplesmente uma resposta aos nossos atos...

Daniel Savio disse...

Cadinho, não diria que contribua diretamente, mas com certeza os pais que não procuram saber o que os filhos estão fazendo contribua mais para a criança cair na bandidagem...

Fique com Deus, menino Cadinho.
Um abraço.

Luh* disse...

Amei *--*
e é a vida!
amo BH *--*

beijos

Mulher na Polícia disse...

É cruel...
É desumano...
e mata.