Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

sexta-feira, 11 de junho de 2010

PELA SOBREVIVÊNCIA

Penso que se eu escrevesse que vendo quadros as pessoas entenderiam com mais facilidade, mas não é esse o caso. Os quadros que vendo são de fato painéis que dispensam molduras.

PELA SOBREVIVÊNCIA

O que parece ser muito simples não é. Nunca é simples o que simplesmente surge como sendo simplesmente simples.

Ainda que eu tenha enorme dificuldade em vender e negociar painéis pinturas a óleo sobre tela, afirmo ser mais complexo o processo criativo dos painéis. A propósito, não sou negociante de telas e painéis para pinturas, como entendeu a Mônica que deixou comentário no Cadinho(blog) com tal questionamento.

O que ofereço é a arte que assino, pinturas que crio sobre os tais painéis que adquiro em lojas do ramo. Sou um artista que busca do dizer a expressão do meu sentir e mais recentemente estendo tal exercício à pintura e como isso é o que sei fazer na vida, eis que necessito de comercializar meu feito para que eu possa simplesmente sobreviver.

Belo Horizonte, 11 junho 2010

CHUVA TRANSPARENTE

Chuva de sugestões que vem de encontro ao meu corpo a senti-la, gota por gota. Aperto o passo, aperta a chuva. Atravessamos juntos tempo e espaço de uma transparência que anoitece. Ruas escuras denunciando à margem, janelas iluminadas. Gente que passa desconhecendo o que passa por mim. Quanto mais ando, maior a exigência da chuva a buscar meu fôlego que voa com o palpitar do coração que, a propósito, não sei ser meu.

A chuva conhece meu pensamento único e tão silencioso quanto ela a tocar-me com impressionante delicadeza. Tudo na transparência da noite que não é só minha.

Belo Horizonte, 27 dezembro 2001

7 comentários:

Isadora disse...

Cadinho caminhamos e passamos por entre pessoas sem nos apercebermos delas e tão pouco elas de nós. Cada um levando consigo dores e alegrias. Só aqueles que nos conhecem para receberem e entenderem nossas delicadezas.
Espero que você obtenha sucesso com sua arte.
Um beijo

Eliana Gerânio Honório. disse...

Cadinho

Vovê nem imagina a saudade que sinto daquele tempo maravilho
das blogagens coletivas...

Infelizmente meu tempo
está zerado.

Precisei morar muito distante do trabalho e a criatividade
necessita de tempo disponivel.


Forte abraço.


e sem tempo

Lu Souza Brito disse...

Olá Rocco,

Obrigada pela sua visita ao Lichia.
Nossa, você escreve lindamente.

Mônica disse...

Cadinho
Há mas eu preciso ve-las. Adoro pintura, pena sou sem jeito.
iria pintar da ponta do meu nariz ao mepé . Mas gosto de ver!
Onde procuro?
com carinho
meu conterraneo
E eu sou meia atrapalhada. As vezes entendo as coisas ao avesso.
Obrigada pela atenção de me responder.

Deusa disse...

Pois é...e que lá nas terras de Goiás e pelo visto boa parte das amigas nunca haviam ouvido falar...tem dó....pelo menos rimos muiito.....
Deusa
vasinhos coloridos
(agora vou voltar e ler seu texto....)

Deusa disse...

Mais sempre ficou tão claro para mim que voçê e um pintor,(não se zangue se eu coloquei de forma errada sua profissão),não temos tantas lojinhas na nat....então não entendi o que houve?....
Deusa
vasinhos coloridos

Doces Poemas disse...

Grande artista, completo pelas suas artes...


Abços :)