Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

quarta-feira, 16 de junho de 2010

SEM MENDICÂNCIA

Fica muito fácil se dar bem sem o devido conhecimento de causa

SEM MENDICÂNCIA

Observo o dia que acorda em mim num frio que vem lá de longe como quem busca por meu ser. Acordo, levanto e saio no propósito de encontrar neste dia tudo aquilo que busco. As vendas dos painéis que pinto, óleo sobre tela. A viagem que quero fazer para a beira do mar, Grussaí que espera por mim para que eu possa então libertar meu ser para o que de fato a mim estampa crescimento. Nada de ficar no lamento e nem tão pouco na mendicância do patrocínio que não consigo porque bem sei do quanto não sabem aqueles que insistem em só querer estimular o egoísmo, a arrogância, a vaidade e o poder pelo poder. Tudo perda que não contribui em nada para a confraternização e um mundo melhor para todos nós.

Belo Horizonte, 16 junho 2010

SÓCIA?

É possível que ela seja a dona da pizzaria. Sócia talvez. Quem sabe a irmã do sócio? Ou então cunhada. Nenhum parentesco. Uma forte amizade.

Há sim aquele casal cuja imponência denuncia propriedade. Mas ela, tão atenta, traz autoridade de patroa.

Dia desses eu a vi com a perna engessada. Mesmo comprometida pela imobilidade, ia mancando de lado a outro, observando tudo. Para ser sincero, nunca entrei na pizzaria. Mesmo passando pela calçada consigo vê-la por inteiro. Salão arejado e mesas espalhadas do lado de fora, sugerindo ambiente de varanda. Mas não é sempre que a vejo. Também não é sempre que passo em horário de funcionamento. Mesmo assim imagino como terá sido seu trabalho ontem, se ela irá aparecer hoje e tal e tal.

Quando tenho oportunidade faço do endereço da pizzaria meu caminho. Agora mesmo passei por lá. Ares de reunião. Ela e o tal casal. Se não me engano, sua perna não está mais engessada.

Belo Horizonte, 31 janeiro 2002

5 comentários:

Érica disse...

O mlehor é buscar, sempre, a felicidade, as tristezas, as conquistas. A insustentável leveza do ser. rsrs

Beijos

Deia disse...

A cabeça erguida, os pensamentos em ordem, a altivez estampada na cara. Um beijo, Deia

Mar... disse...

Vim agradecer a visita e o comentário no meu blog...seu blog é muito interessante...
Já virei fã e estou a te seguir...espero que possamos trocar muitos comentários juntos...
Tenha um lindo dia...Bjs carinhosos...

Papéis ONline disse...

estou aqui para divulgar o projeto Papéis de Circunstâncias,
Somos um projeto que tem o intuito de divulgar a nova poesia Brasileira atraves de um jornal Gratuito que o leitor recebera em casa, assine e receba, na opção assine do menu

http://papeisonline.blogspot.com/

Pat. disse...

Venho agradecer tua visita e ler teu blog...
Gostei do que vi e fico por aqui.
Beijo.