Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

SOU QUEM SOU

Não tenho nenhum problema em ser quem sou.

SOU QUEM SOU

A intolerância, no mais das vezes, é ação reação que trava, obstrui, fecha o nosso agir de tantas oportunidades e possibilidades.

Recebo informação da existência de pessoas em São João da Barra querendo saber quem sou eu. Em princípio posso dizer que sou sujeito simples, amante do amor, disposto e exposto a muitos e muitos gestos e atitudes impostas por sensibilidade que tenho e trago por todo meu eu. Mas, ao invés de ficar aqui escrevendo sobre o que sou deixo de ser, melhor é dar uma passeada pelo que escrevo pinto. E por pensar assim é que esparramo por aí alguns endereços onde exponho quem de fato sou. Por isso também é que um dia criei frase que hoje uso meio que como assinatura minha: Sou o que escrevo pinto.

Belo Horizonte, 14 dezembro 2010

ABERRAÇÃO

Chega a ser vergonhoso o que fazem com as programações locais das emissoras de rádio e televisão radicadas em Belo Horizonte. Enorme irresponsabilidade coletiva assumida por direções só interessadas no dinheiro lucro de uma comercialização não menos caótica. Diante da mais completa ausência estética e ética de apresentações inteiras, a população de Belo Horizonte convive com o absurdo que é não terem o menor respeito por um trabalho exercido por estagiários aprendizes que ao tornarem-se profissionais, estarão no mais solene olho da rua. Isso para não citar os aventureiros.

São raras, para não dizer raríssimas, as exceções do que tornou-se comum nas emissoras de rádio e televisão instaladas em Belo Horizonte. Noticiários com matérias viciadas, entrevistas entregues ao lugar comum de questionamentos estéreis, jornalistas comentando até boletins de previsão do tempo, reportagens idiotas e por aí afora. Da autoajuda aos temas religiosos, tudo parece entregue a uma assustadora falta de compromisso com elementos primários exigidos por qualquer trabalho dito sério.

Patrocinar o que está acontecendo nessas emissoras, em Belo Horizonte, passa a ser algo perigoso. O desprezo assumido por essas empresas aos profissionais com capacidade e experiência para o exercício de suas funções é lastimável. Resta então a conivência com pessoas sem a menor autocrítica a contribuírem para o péssimo padrão de qualidade do que tem sido feito por aí. É mesmo uma aberração o que fazem as emissoras de rádio e televisão na capital de Minas Gerais.

Belo Horizonte, 31 maio 2005

7 comentários:

Lulu on the Sky® disse...

Cadinho,
Convido vc para o aniversário de 7 anos do meu blog. Te espero lá!
Big Beijos

Regina Coeli Carvalho disse...

Olá,
Vim retribuir a visita e conheci um "cadinho" de você.
Posteiormente volto com mais calma para ler um pouco mais das suas postagens.
Abraços.

Mônica disse...

Cadinho
Você é unico e eu já me acostumei e te adoro.E nem precisava de informarmos sobre voce porque é gente boa como diz meu tio Tonho
com carinho MOnica

FABIOTV disse...

Olá, tudo bem? Realmente as pessoas querem saber mais sobre nós né....Abraços, Fabio www.fabiotv.zip.net

Afrodite disse...

É por essas e outra amigo,que desisti de tv aberta!Realmente...uma aberração!
Beijo!

Marilu disse...

Querido amigo, excelente texto. Beijocas

Daniel Savio disse...

Menino, sabe que usando este momento você pode até ter mais reconhecimento (e por conta vendas)...

Fique com Deus, menino Cadinho.
Um abraço.