Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

quinta-feira, 8 de março de 2012

SIMPLICIDADE DO AMOR

Ter consciência faz parte do processo

SIMPLICIDADE DO AMOR

Semear o amor não é tão simples. Talvez seja por isso que não consigo avançar com o Projeto João da Barra-PJDB que traz em sua essência o amor. Não é simples propagar o amor e nem tão pouco enaltecer a paz em meio a interesses e intenções muito mais próximas do conflito, porque no conflito existe a possibilidade de atos serem destacados como heróicos, bravos, corajosos. No conflito a colheita dos feitos poderá resultar em poder, liderança, dinheiro, mando.

Já o PJDB busca distinguir o que de fato representa crescimento do que de fato instala a submissão e a pequenez. É pelo amor que chegamos ao que de fato nos coloca na rota do progresso saudável e promissor. Não há outro caminho. Mas, para que cheguemos ao amor é preciso antes acreditar em sua semente, na sua projeção e no seu amadurecimento. Não é simples chegar ao que de fato faz ser a simplicidade do amor.

Belo Horizonte, 08 março 2012

O NEGOCIAR

Não é pura e simplesmente porque preciso vender que pinto os painéis, óleo sobre telas. Há o prazer, da mesma maneira que existe uma certa necessidade minha em colocar pra fora as formas que brotam do íntimo. Por isso é que ao serem negociados, os painéis quase que exigem, além do tratamento comercial, o carinho e o desprendimento, elementos a promoverem aquilo que está na proposta inserida à criatividade do meu viver.

Sem amor não dá pra negociar.

Belo Horizonte, 17 junho 2010

7 comentários:

Cadinho RoCo disse...

Cadinho
Que Brasil é este?
E o Brasil noso e de nossos filhos por isso mais do que nunca precisamos acreditar no amor e na paz pois este pais nao é somente nosso.
E do futuro de nosos filhos e netos
com amizade e carinho de
monica
http://moniquinhaquinquinha.blogspot.com/

Carla Ceres disse...

Não sou pintora, Cadinho, mas faço ideia do desprendimento que os pintores devem ter quando vendem seus quadros. Um quadro é único. Diferente dos textos que podem ser impressos infinitamente. Abraço!

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Muito amor e beleza, por aqui. Gostaria de saber o significado da "Medalha Milagrosa" em frente e verso, ao lado de um uma bela rosa, em seu painel inicial...

Lindos Painéis!
Belas Crônicas...

Parabéns!
Um abraço,
da Lúcia

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Muito amor e beleza, por aqui. Gostaria de saber o significado da "Medalha Milagrosa" em frente e verso, ao lado de um uma bela rosa, em seu painel inicial...

Lindos Painéis!
Belas Crônicas...

Parabéns!
Um abraço,
da Lúcia

mfc disse...

Ontem era impossível comentar-te... éramos sempre redireccionados para uma outra página!
Tens que ver o que se passa!
Grande abraço.

Carla Fernanda disse...

Semear o amor é tarefa dura mesmo amigo. Para o artista acredito que deve ser muiiito difícil tratar de questões comerciais Cadinho... todo artista devia ter um assessor para divulgação, vendas e tal.
"Fenix de ser" adorei a sua frase.
Obrigada!!!

Multiolhares disse...

quando pintamos uma tela, é um pouco de nós,o sentimento do momento que fica desenhado que fica nas cores escolhidas, então é dificil a separação são os apegos só mesmo com amor entregamos um pouco de nós
bjs