Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

terça-feira, 24 de novembro de 2015

AGIR

AGIR
     Existem coisas que nos levam ao inconformismo que não deve perdurar em nossas vidas. Isto porque de nada adianta querer navegar rio acima quando o empenho é o de chegar no mar.
     Os encontros que nos promovem crescimento são aqueles que nos transportam para a superação da resistência, ao invés de nos manter atrelados a posição que insiste em querer ficar onde está.
     A vida é movimento e por isso mesmo é que não dá para ficarmos sempre mantidos pela repetição de um agir que, na realidade, necessita de mudança.
     Quando então percebemos a necessidade de se empenhar mais no que de fato ambicionamos, eis que sentimos a pressão do tempo a nos impulsionar para o que precisa ser feito.
     Ir na conversa de quem quer que tudo fique tal como está é, na verdade, não ir a lugar nenhum.
Belo Horizonte, 24 novembro 2015
ELA ESPERA
     Chegou em casa exausta. Dormiu acordou cobriu descobriu corpo lençol e travesseiro em único desalinho sem ter menor noção da hora que pode deve estar pelo meio da manhã. Olhos abertos pela torneira água que cai do chuveiro banho refrescante. Ideias lavadas e levadas ao dia que surge perfumado penteado bem vestido. Ao invés de sapatos sandálias em pisadas leves discretas compras interrompidas pela chamada telefônica. É ele.
     Apetite despertado, salada verde vermelha e branca porque gosta de palmito. Lá pelas tantas lembrança saudade no outro banho solitário, porém envolvido por espuma de toques certeiros. Sussurro gostoso depois enxugado pela toalha grossa felpuda macia.
     Ele chegará mais tarde enquanto ela espera que seja cedo o bastante para que o encontro seja celebrado por salutar e não menos intenso despertar.

Belo Horizonte, 24 abril 2009  

3 comentários:

Ana Bailune disse...

A permanência em idfeias velhas e mofadas só leva à estagnação. É urgente renovar-se, dar passos mais largos e confiantes sempre em frente, mas sempre com cuidado.

{Λїtą}_ŞT disse...

É verdade Cadinho. O tempo não para, a vida não para e nós tb não podemos parar.
Deixo beijos

Nuno Filipe disse...

A vida é assim. O ontem já passou, o hoje deve viver-se intensamente, o amanhã ninguém sabe como vai ser
:
Deixo cumprimentos