Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

sábado, 22 de maio de 2010

ESCULHAMBAÇÃO

Ou aceitamos ou rejeitamos a esculhambação
ESCULHAMBAÇÃO
Que estamos no Brasil da esculhambação nem é preciso dizer muito porque maiores são as evidências.
Num país em que mesmo antes de ser aberto legalmente o período de campanhas políticas o Tribunal Superior Eleitoral condena por três vezes nada menos do que o Presidente da República, não pode e nem tem como ser levado a sério. Assim é que a esculhambação passa a ser o expediente oficial de conduta para que candidatos ajam como puderem, mesmo que não tenham como assumir candidatura agora. É pela escullhambação que os institutos de pesquisa apontam expressivos crescimentos nas campanhas que legalmente não são campanhas, mas que pela rota da esculhambação são sim e com o mais evidente respaldo da realidade.
E depois dizem que nós poetas é que vivemos na abstração. Dá pra entender?
Grussaí, 22 maio 2010
ILHADO
Água. No sonho, água. Barulho de água entornada. Água de cachoeira. Água de chuveiro. Água de torneira.
No sonho, a transparência da noite. Na noite, a transparência da água. Na sede, água. Acordo mergulhado no sonho. Água do mar. Água do rio. Água do aquário sem peixes. Plantas no aquário de raízes. Água nas raízes das plantas. Água na intenção do banho.
Tudo sujo no delírio do dia. Tudo limpo na correnteza da noite oceânica que navega em mim. Água no mergulho. Água na terra que é ilha no sonho.
Acordo ilhado.
Belo Horizonte, 09 agosto 2001

7 comentários:

Luciana disse...

Olá
Um excelente fim de semana
Abraços
Luciana

Vivian disse...

...Cadinho meu querido,

estamos no Brasil, amado Brasil
que nas mãos dos políticos
patriotas,
se cercar é um hospício,
e se cobrir é um circo.

escolha...

e quanto às águas,
ainda bem que elas existem
para que possamos lavar a alma
tão exposta neste embroglio
chamado vida!

bj

Gustavo Rangel disse...

Concordo em gênero, número e grau!!!

Talles azigon disse...

então que deixe as belas aguas lavarem essa esculhambação histórica e cultural do nosso Belo pais

José Doutel Coroado disse...

quanto à "Esculhambação" lamento e espero que o eleitor se informe e faça as suas opções, em consciência.
quanto ao seu segundo texto: muito bonito!
felicitações

Daniel Savio disse...

Cadinho, pior esculhambação todo mundo "torcer" pelo Brasil na copa do mundo de Futebol e não fazer nada na eleição (que fosse metade da paixão gasta na copa)...

Fique com Deus, menino Cadinho.
Um abraço.

Mirze Souza disse...

Amei o poema das águas!

Lindo mesmo!

Pra frente, amigo!

Beijos

Mirze