Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

terça-feira, 8 de maio de 2012

FALTA


Sem dinheiro não há o que fazer
FALTA
     Há muita dificuldade em ganhar dinheiro quando estamos fora do fluxo dele que está sempre na direção das grandes fortunas. É aquela velha conversa de que quanto mais tem maior a chance de obter mais.
     Por outro lado, não são poucas as pessoas que não gostam de soltar o dinheiro mesmo em momento de necessidade. Isso faz com que na outra ponta cresça a expectativa que em várias ocasiões termina por cultivar ilusão e não mais que isso.
     Vivemos no Brasil pobre, a despeito do que é propagado por governos que não conseguem agilizar a distribuição de renda contribuindo assim para a concentração de muito dinheiro nas mãos de pouca gente.
    Tudo isso faz com que fiquemos por aí meio que à deriva quando nos falta o bendito dinheirinho.
Belo Horizonte, 08 maio 2012
QUEM PATROCINA?
     Quem pode se interessar em patrocinar um semanário dedicado a São João da Barra - SJDB?
     A pergunta é simples, ainda que sugira resposta complicada, porque primeiro é preciso que o(a) patrocinador(a) valorize a literatura, a informação e a comunicação. Num segundo momento é preciso que o(a) patrocinador(a) tenha sensibilidade capaz de perceber que ao patrocinar iniciativa como a dos Folhetos Cadinho RoCo - FCR, deverá ter a percepção de que esse patrocínio age como investimento tanto social quanto pessoal. Isso vale dizer que tal patrocínio não está destinado a nenhum evento estrondoso e nem tão pouco a uma ação meramente populista, ou relacionada à vaidade.
     Patrocinar os FCR enquanto semanário sanjoanense é abrir permissão para que o município tenha representação própria de um trabalho com dedicação direta ao que é SJDB.
Belo Horizonte, 13 fevereiro 2011

3 comentários:

Célia Rangel disse...

No país do futebol e do carnaval... "pai trocínio" só com muita vantagem empresarial... Cultura? Pertence ao underground.
Abraço, Célia.

Carla Ceres disse...

Em muitos aspectos, Cadinho, o Brasil ainda é um país bem pobre. Não me refiro somente ao dinheiro, mas também à cultura, à educação... Abraço!

ONG ALERTA disse...

O que falta neste pais é educação, abarço Lisette.