Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

APROVADO



SÉRIE XAMÃ dos
FOLHETOS CADINHO ROCO
APROVADO
     Resolvo deixar pra lá tudo que venha a me causar um mínimo de aborrecimento. Deu sinal de chateação trato de mudar de rumo.
     Resolvo encarar e assumir minha loucura sem ficar nessa de segurar ou seguir por aqui ou por ali. Respiro o mar que cativa meu fôlego, pinto camisetas para meu próprio uso, não estão à venda, chega. Deixo-me levar pela inspiração sugerida por Xamã e o resto é que se dane.
     Resolvo amar com todo amor o meu viver que não está mais disponível pra qualquer ocasião. Não interessa se passo a ser mais ou menos seletivo, isso é solução minha.
     Chega de ficar por aí tentando provar ao mundo o que para mim já passa de salutar comprovação.
Belo Horizonte, 18 fevereiro 2015
PENSAR DO DEPOIS
     O que é a insensatez na vida de qualquer um de nós senão a construção de nossa própria ruína?
     O que é a perversidade na vida de qualquer um de nós senão a atitude de nossa própria mediocridade?
     O brotar de toda desavença tem origem na farsa de quem vive em disputa consigo mesmo.
     Não há razão para vencer o eu.
     Não há razão para derrotar o eu.
     Viver sem ter o desprendimento do amor em si mesmo é entregar o ser à recusa de si mesmo.
     Aquele que para ser alguém necessita de ter a destruição de alguém é de todos o mais infeliz.
Belo Horizonte, 15 novembro 2006 

2 comentários:

Gracita disse...

Bom dia Cadinho
O que causa aborrecimento não merece crédito. Viver, amar de acordo com nossas convicções. Agradar os outros? Pura perda de tempo. Quem conhece o nosso coração e o que nos faz feliz... somos nós!
Tenha um lindo dia

Cristina Cebola disse...

Que belos ensinamentos de vida!!

Bem -haja Cadinho!!