Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

quarta-feira, 19 de maio de 2010

DA RAZÃO

O interessante é percebermos a sensatez de cada instante
DA RAZÃO
Sempre há uma razão para darmos palavra ao que quer que seja.
Sempre há uma razão para darmos silencio ao que quer que seja.

O fato é que existe o momento da aproximação, tal como existe o momento do afastamento. O que não quer dizer que devamos ficar distantes, omissos, indiferentes ou acomodados seja lá com o que for. É pelo incômodo que buscamos posição mais confortável para o nosso sono, tal como fazemos quando despertados seja lá pelo que for.
Grussaí, 19 maio 2010
EM BUSCA DA VIDA
Sigo pelos quatro cantos do mundo sem saber ao certo onde estou indo. Sinto estar em um e em muitos lugares, tal como acontece quando sinto estar em lugar nenhum.
Minha morada perde-se no tempo e no espaço. Meu agir confunde-se com o vento e com o trovão, com o sol e com a nuvem, com o dia e com a noite.
Sou encontrado em meio a desencontros e surpreendido por encantos que parecem ler meus pensamentos.
Não tenho rumo certo e nem a certeza que tantos dizem possuir. Sou espírito de fé a respirar da brisa a essência vinda em busca da vida que possuo, sem possuí-la.
Enquanto filho de Deus, acredito no Pai.
Belo Horizonte, 14 julho 2001

24 comentários:

Ava disse...

Foi uma agradável surpresa o que encontrei neste cantinho. Palavras que tão bem exprimem um pouco do que sinto. A serenidade de alguém que conhece a vida e a sabe descrever com sensatez e tranquilidade.

Vim retribuir uma visita, mas saio daqui com a certeza que voltarei mais vezes.

Beijinhos, Ava.

Bill Falcão disse...

Ouvimos a razão, quando os mistérios do coração nos dão uma trégua.
Aquele abraço!

Andrea disse...

Obrigada pela visita no meu blog , e gostei muito do seu também ,,um grande abraço

Mônica disse...

Dar palavra e dar silencio.Antagonismo que ao ler sobre o seu prisma virou uma linda poesia cheia de verdades.
com carinho
Monica

ValériaC disse...

Olá amigo...vim agradecer sua visita e seu belo comentário em meu cantinho. Fique à vontade em visitá-lo sempre que quiser, você sempre será muito bem vindo por lá.
Lindo demais o que você escreve...carrega um profundidade imensa...
Um grande abraço

Valéria

Valéria Sorohan disse...

Não devamos ficar distantes, mas ter alguns momentos só nosso, ahh é muito gratificante!

BeijooO'

Fa menor disse...

"não quer dizer que devamos ficar distantes, omissos, indiferentes ou acomodados seja lá com o que for"
Como concordo!

Gostei muito de te ler novamente!

Beijos

Deia disse...

Amigo RoCo, fiquei feliz também com a lembrança de uma amiga a quem conheci nesse mundo virtual. Da mesma forma que , hoje, você chegou até a mim e eu até a você.

É mesmo incrível como podemos nos sentir moradores de tantos lugares e, no próximo instante, não pertencermos a lugar nenhum...

Belíssimo texto! Já estou lhe seguindo. Um abraço, Deia

Talles azigon disse...

creio eu que as vezes a razão é não ter razão alguma

Tatiana disse...

Cada um de nós, tem as suas razões, pois a nossa essência e serenidade muitas vezes dita para que ela aconteça.

Um abraço carinhoso

Inside Me disse...

a razão nem smepre é tão nítida qt deveria... a gente vai levando, dia após dia... às vezes se encontra, às vezes se perde... mas são essas nuances que tornam a vida tão espetacular... tido mundo sente isso q vc "desenhou aqui em letras", mas num sabe externar, vc faz isso só que com muita arte...

мαясєllα Ϟ disse...

amei os textos, tudo tem uma razão na vida #fato :D
obrigada pela visita lá no meu blog..
já toh te seguindo!
bjobjo**

http://marcellagiroldo.blogspot.com/

Daniel Savio disse...

Mas algumas coisas temos de ser ativos...

Mas apesar nós perdemos pelo mundo, ninca devemos perde a nossa busca pela felicidade.

Fique com Deus, menino Tesco.
Um abraço.

Cá, disse...

Sempre há uma razão para darmos palavra ao que quer que seja.
Sempre há uma razão para darmos silencio ao que quer que seja.

O fato é que existe o momento da aproximação, tal como existe o momento do afastamento.

Adorei esse trecho... caiu muitoo bem na introdução do meu blog!

Beijos!

Yara disse...

Oi Cadinho!
Muito obrigada pela visita!
Muito bacana o teu blog!
Um abraço

Ana Lúcia Porto disse...

Oi Cadinho,

Obrigada pela companhia no café.

Belos textos como sempre...

Um abraço,

Bruna disse...

Isso aí... concordo plenamente..
E digo mais.. o comodismo é um mau parasitário...

Deus abençõe aos acomodados...

JuJu disse...

Na verdade, o que deve ser feito é aproveitar o momento.
...
Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!

Lilazdavioleta disse...

É verdade , há sempre uma razão para tudo . O que acontece , por vezes, é que não temos a sabedoria necessária para " ver " esse acontecer .

Gostei do que li . Foi pouco , mas voltarei .

Entretanto , agradeço a sua visita e palavras .

Maria

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Essa vida buscada e bem estruturada no meio do mato. Um sonho meu!

até mais.

Jota Cê

Rosa Carioca disse...

Vim retribuir a visita e gostei muito do seu blog. Muito obrigada pela sua visita. Voltarei mais vezes, com certeza.

Janaina disse...

Acomodar-se é muito perigoso,pois ao acordar já será tarde demais.Beijos,Cadinho.

Desnuda disse...

Cadinho, também sou filha de Deus e acredito no Pai.

"Ora et labora" São Bento.

Beijos, com carinho.

Solange Maia disse...

aprendi a respeitar os momentos... quaisquer que sejam... e isso nos dá uma calma boa...

beijos