Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

quinta-feira, 20 de maio de 2010

HORA DESSAS

Tem hora que a gente cansa
HORA DESSAS
Quando Vinícius perguntou-me sobre os folhetos fiquei meio que perdido, sem saber ao certo o que responder, cansado de dizer da necessidade do patrocínio, mesma conversa que nunca encontra alento, desânimo, apatia minha que estou numa relação ida de encontro ao mar que é com quem encontro diálogo, sentido e extensão em meu viver.
Disse ao Vinícius do que tenho feito e do quanto tenho estado próximo de um viver que cada vez mais se afasta da mediocridade e de tudo que já percebo não valer insistência.
Dei folheto para leitura dele com a possibilidade de conversarmos com mais calma qualquer hora dessas.
Grussaí, 20 maio 2010
DEFORMAÇÃO?
“Quero a misericórdia
e não o sacrifício...”
Mateus 11, 7
Estranho ouvir até com certa freqüência, ser o catolicismo religião que enaltece a salvação pelo sacrifício, quando do próprio evangelho surge outra afirmação. Ao invés do sacrifício, misericórdia.
Falta de informação? Falta de discernimento? Ou será o expediente da conveniência a ir se utilizando de argumentos instáveis, no propósito de outra estabilidade?
Seja lá como for, eis que surge a misericórdia como instrumento para a compreensão e para o agir da solidariedade. Eis que surge a misericórdia como elemento de eficaz efeito para o procedimento humano. Eis a misericórdia presente como atitude sensata e oportuna ao agir.
Não será mais humana a misericórdia do que o sacrifício?
Belo Horizonte, 20 julho 2001

8 comentários:

A Voz da Floresta disse...

Amigo, biólogo viaja demais. Desculpe-me a ausência do seu inteligente espaço. Só na madrugada navego um pouco. Abração!

Gustavo Rangel disse...

Boa sorte amigo!!!

Mônica disse...

Eu também quero a misericordia de DEus, mas é bom fazer uns sacrificios. Para Deus saber que lhe queremos bem.
A gente não faz tanto sacrificio pela pessoa que está mais proxima da gente?Pelo namorado, pelo marido, pela mãe,pelos irmãos. porque não para Deus?
com carinho MOnica

Talles azigon disse...

pois é tudo que ensinou o grande Medico Cearense Bezerra de Menezes, devemos é praticar o bem de modo não natural, isso que engrandece a obra do Senhor e não nossa destruição

Deia disse...

Na verdade é mais divina a misericórdia do que o sacrifício. Nós ainda precisamos aprender a andar com pés firmes nos ensinamentos. É a nossa trajetória aqui - fazer o quê? Um beijo, Deia

claudete disse...

Cadinho passei anos da minha vida para compreender uma frase que me foi dita: "claudete , a opção pelo divino é dolorosa e cheia de espinhos"- agora ao ler você , ratifico o que apreendi... Sinto que a misericórdia vem em socorro do sacrifício que nos é imposto ou que buscamos na nossa trajetória .Deixa acontecer e...Confia! Abraços.

legalmente loira... disse...

cadinho,
porque deus tem que estar sempre fazendo por nos???
nos que temos que fazer por ele.
fica facil so pedir.. pedir...
linda noite.
bjos.

Dona Sra. Urtigão disse...

Olá!
Fiquei surpresa com a sua visita, mais ainda porque voce entrou pelo quarto de guardados, ao inves de chegar pela varanda! Tenho visto seu nome, aqui e ali nas salas de visitas que frequento e não me lembro se ja dei uma passadinha por aqui ou não, as vezes sou meiomuito abelhuda.E embora eu nunca tenha espírito poético, estou gostando da poesia na sua prosa.
Mas visite-me sempre que quiser, pode entrar pela porta, ou pela janela que quiser, será sempre muito ben vindo.
Licença, vou passear por aqui.