Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

terça-feira, 18 de maio de 2010

PERTO

O estar longe ou perto é sempre muito relativo

PERTO

Existem momentos em que é pela distância que somos aproximados ao que de fato buscamos e pretendemos.

Existem momentos em que é pelo silencio que o nosso dizer se pronuncia de maneira tão mais enfática quanto eficaz.

Existem momentos adormecidos pelo despertar do amor vivo que então permanece presente e atento ao momento em que a ilusão de longe tornar-se-á consumida pela evidência do perto.

Grussaí, 18 maio 2010

RESSUSCITANDO

Preparei sem pressa o cigarro de palha. Quando pronto, recebi chamado do primo Mário, para irmos ao velório de sua mãe, minha tia Marieta.

Em cinqüenta dias, duas das três irmãs de minha mãe, partiram. Primeiro, tia Natália, depois tia Marieta.

Guardei cigarro de palha para ocasião agora. Do fumo saboreio fumaça da vida.

Em cinqüenta dias, duas das três irmãs de minha mãe, partiram. Primeiro tia Natália, depois tia Marieta. As duas que viveram mais de noventa anos e que parecem transformar em berço meu coração. De singular palpitar, recado manso e terno. A gente nasce e vive, para ressuscitar sempre.

Belo Horizonte, 05 julho 2001

15 comentários:

Josi Puchalski disse...

Lindo...

Fê-blue bird disse...

Estou a semtir um prazer sempre renovado quando venho aqui.
Tranquilidade é o que sinto!
Comovente o seu texto.
Um abraço

A Madrasta Má disse...

Que homenagem linda meu querido! Em tão pouco tempo, duas despedidas, as quais em seu texto você tornou leve e profunda, lindo de se ler! Parabéns!

Obrigada pelo carinho!

Bjinhos da Madrasta!

Ava disse...

Cadinho, esse paradoxo de estar longe ou perto, é o coração que não sabe o que fazer, afinal os sentimentos estão lá... a despeito de tudo...

Saudades minhas...

Talles azigon disse...

e perto meu caro pode ser mais longe que o beijo da pessoa amada e mais próximo que o hemisfério oposto

RoCosta disse...

'...Tem horas antigas que ficaram muito mais perto da gente do que outras, de recente data...' - G.Rosa
Beijão!

Magui disse...

Bem verdade.Hoje em dia longe e perto são apenas conceitos.
Eu tenho uma amiga que em um ano teve 8 irmãos mortos.Quando batia o telefone ninguém queria atender.

Nanda disse...

Seu post me fez lembrar um pensamento antigo que sempre me emociona e diz o seguinte: 'Para estar junto, não é preciso estar perto ou longe, mas sim do lado de dentro'. Um abraço e força.

claudete disse...

"Longe mas não tanto que não possamos alcançar e trazer para perto de nós". Não sei de quem é a frase, mas tem ressonância, na saudade, no querer, no viver. Gostei!

Ava disse...

Querido, depois nos falamos por telefone... Te onto os detalhes.
Estou bem. Obrigada pela preocupação...


Beijos e saudades minhas...sempre...

MEU DOCE AMOR disse...

Sem palavras...disseste tudo.Adorei essa ternura,tão humana.

Beijinho doce:)já cá não vinha faz tempo

Convido-te e visitar-me,tá?

http://vemsonharcomigo.blogspot.com/

Janetinha disse...

Olá.
Obrigada pela visita. Volte sempre.

Mônica disse...

Gostei do que disse do fumo saboreio a vida.Apesar de que fumar dar cancer. Mas gostei acima mesmo.
Gostei de ler meus rascunhos.
com carinho MOnica
Há e gostei de voce ser daqi de BH.
Eu seguia dois, mas faz tempo que eles não escervem

MEUS PENSAMENTOS disse...

gostei de td aqui escrito...
vim lhe visitar sei que estava em dividas ,obrigado por passar por la,desculpe não vir antes ,bjs!

Daniel Savio disse...

O que importa é a distância do coração, apenas isto...

Infelizmente, a morte é parte do ciclo da vida, então só podemos levar uma vida da melhor forma possivel.

Fique com Deus, menino Cadinho.
Um abraço.