Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

terça-feira, 14 de junho de 2011

FAZER O BEM

Há diferença extremada entre bem e mal

FAZER O BEM

É sempre importante perceber que quem cultiva, alimenta, fomenta, estimula e realça o conflito, a violência e o desentendimento, é alguém que busca obter vantagem de tal expediente. Não há nessa atitude nenhuma intenção de crescimento, muito antes pelo contrário. Não há nenhuma intenção de progresso, posto que pela desavença o que fazemos é patrocinar o atraso.

Por isso mesmo é que não dá pra ficar rendendo assunto com o que complica e atrapalha o bom diálogo que é aquele que sempre busca a luz para que avancemos com êxito pela trilha das boas e oportunas realizações.

Belo Horizonte, 14 junho 2011

TRANSFORMAÇÃO

Encheu-se de obrigação e agora corre de lado a outro pela trilha do cumprimento daquilo que antes foi assumido. O tempo faz-se veloz curto ameaçador. E os dias que antes só passavam, agora surgem sob a forma de constante ameaça.

Vida parece entregue ao ir e vir de cada necessidade a gerar outra numa constância crescente e implacável. Vem o cansaço e a sensação de não conseguir o pretendido.

Mas há sempre um caminho uma saída, jeito a contornar situação hoje que amanhã exigirá mais. Só que as alternativas diminuem diante da realidade implacável.

Um dia, a decisão. Bem diante do próprio estar a vida depara com a força do acreditar que já não aceita aquilo que impõe tamanho sacrifício. O querer aflora e de sua exuberância o suceder da transformação.

Para o viver, o acreditar disponibiliza ao ser o que ele de fato quer.

Belo Horizonte, 10 janeiro 2008

5 comentários:

Carla Ceres disse...

Oi! Voltei pra aprender mais um pouquinho com seu blog. Abraço!

Cielo que queria ser LATINI disse...

Não é brincadeira querido, sou uma pessoa doente, que cansou de procurar ajuda, pois há muitas pessoas nesse mundo, que apesar de da inteligência acima da média, banalizam doenças como a minha! Sou anoréxica não por escolha, se ler em meus posts anteriores entenderá. Minha vida foi construída em cima de frustrações, então não estou de brincadeira. Sou doente e não tenho vergonha de afirmar isso, só cansei de pedir ajuda!

Marinha disse...

Que reflexão porpões!!! Não dar para dar ênfase a quem patrocina o mal. Isso é fato! Apesar de nos apegarmos muito ao que nos faz sofrer.
Teus escritos são lanternas que sinalizam com luz.
Bjo e paz.

✿ chica disse...

Fazer o bem faz bem para nós mesmos e muitos nem, se dão conta disso!

um abração,tudo de bom,chica

Cristina Lira disse...

Oiiii...um encanto este blog, é um aconchego, por isso passei aqui esta noite, pra te ler e te deixar meu abraço, e desejos de que sejas muito feliz.

Bjos...