Cadinho RoCo – Jeito outro de ler e pintar a vida.

Estréia oficial do Blog – 27 novembro 2006

segunda-feira, 10 de junho de 2013

AMANHÃ

Série Cadinho de Prosa dos Folhetos Cadinho RoCo
AMANHÃ
     Não sei do amanhã. Penso no hoje que quer para o amanhã a doçura de um novo dia. A doçura de um doce caseiro em calda feito com amor, carinho e paciência, porque sem paciência doce desanda e no final não se consegue chegar onde queria.
     Hoje penso no doce do amanhã então acordado pela disposição em se obter o que houver de melhor para o viver.
     Que venha então o amanhã.
     Hoje quero o amanhã por acreditar sempre que dias melhores virão. E da passagem de cada dia, que a docilidade da fé contemple sempre e cada vez mais o viver.
     Hoje ponho fé no amanhã.
Belo Horizonte, 10 junho 2013
SER SEU

Seu ser
Mulher
Emana
Carícia.
Ser seu
Em meu
Desejo
Quieto.
Seu ser
Eu gesto
Abstrato.
Ser seu
Eu você
Sonho.


Belo Horizonte, 02 janeiro 2001

4 comentários:

Moro em um Kinder Ovo disse...

Obrigado pela visita. Vim conhecer você e amei os textos. Sá está na minha lista dos "visitáveis".

Carla Ceres disse...

Começou bem a semana, Cadinho. Prosa, poesia e imagem do dia muito bonitos. Abraço!

✿ chica disse...

Lindo,Cadinho e a FÉ não podemos perder@ abraços,chica

Camila Monteiro disse...

Linda poesia meu amigo!
Excelente semana pra vc!